[VÍDEO] – Personalização da Hormonioterapia Adjuvante

< 1 min. de leitura

O Dr. Daniel Gimenes, oncologista clínico do Centro Paulista de Oncologia – Grupo Oncoclínicas, destacou meta-análise sobre terapia estendida com inibidor de aromatase (IA) em adjuvância de câncer de mama com expressão de receptores hormonais, conforme dados revelados no San Antonio Breast Cancer Symposium (SABCS) 2018, que ocorreu entre 04 e 08 de dezembro, em San Antonio (EUA).

O oncologista lembrou a evolução da duração da hormonioterapia adjuvante, que se iniciou com padrão de 2 anos de tratamento e, posteriormente, foi estendida para 5 anos, havendo dados de benefício, para alguns grupos, de tratamento por 10 anos. A meta-análise revisou os principais dados publicados até o momento sobre o tema, confirmando benefício para a estratégia de 10 anos para pacientes de maior risco, porém mostrando não haver benefício em se estender a adjuvância para o grupo de pacientes sem linfonodos comprometidos.

O oncologista ressalta a importância desses dados para a prática clínica, sobretudo como auxílio na individualização da duração da hormonioterapia adjuvante, para as pacientes que tiverem benefício desse tratamento.

A Oncologia Brasil está realizando a cobertura do SABCS 2018, diretamente de San Antonio (EUA).

Send this to a friend