N-803, um superagonista de IL-15RαFc, demonstra eficácia promissora no tratamento do carcinoma in situ de bexiga

3 min. de leitura

Pacientes com carcinoma urotelial não músculo invasivo de bexiga e que não respondem ao BCG têm opções de tratamento limitadas. O N-803 é um complexo de fusão protéica imunoestimulante baseado em IL-15 mutante (IL-15RαFc), que promove a proliferação e a ativação de células natural killers (NK) e de células T CD8+, mas não de células T reguladoras

Os dados da fase Ib em pacientes virgens de BCG com carcinoma urotelial não músculo invasivo de bexiga demonstram que a administração intravesical de N-803 com BCG induziu uma resposta completa em todos os pacientes, sem recorrências durante a duração do estudo de 24 meses.

Baseando-se nos resultados acima, foi iniciado o QUILT 3.032 (NCT03022825), um estudo de fase II/III, multicêntrico, aberto e de três coortes de BCG intravesical mais N-803, em pacientes com carcinoma urotelial não músculo invasivo de bexiga de alto grau e não responsivo a BCG. Durante o 2021 Genitourinary Cancers Symposium, foram divulgados os resultados de uma análise provisória da coorte A, que recrutou pacientes com carcinoma urotelial in situ (CIS) de bexiga (com ou sem doença Ta ou T1), que não responderam ao tratamento com BCG.

Todos os indivíduos tratados receberam N-803 mais BCG intravesical, consistente com o esquema de tratamento de indução e manutenção padrão. O desfecho primário para a coorte A foi a resposta completa (RC) de CIS a qualquer momento. 

 

Resultados: 

Até o momento (corte de dados: dezembro de 2020), 80 pacientes se inscreveram na coorte A deste estudo de fase II/III. A análise mostrou que a taxa de RC foi de 72% (N = 51/71). Entre os pacientes que atingiram RC, a probabilidade de mantê-la por 12 meses foi de 59%, com uma mediana de duração de RC de 19,2 meses.

Eventos adversos relacionados ao tratamento de baixo grau incluíram disúria, hematúria e polaciúria (todos os 16%), urgência (14%) e hiperatividade vesical (8%). Todos os outros eventos adversos foram observados em 6% dos pacientes ou menos. Um total de nove indivíduos experimentaram pelo menos um evento adverso grave, sendo a taxa de 1%. Até o momento, 10 dos 80 pacientes (12,5%) procederam à cistectomia sem resposta ao BCG.

Os autores concluem que, considerando a taxa de RC de 72%, o N-803 atingiu seu desfecho primário com 59% de probabilidade de os pacientes manterem a RC por pelo menos 12 meses. Com a forte eficácia observada e uma taxa de eventos adversos graves de 1%, o N-803 representa uma nova opção de tratamento para CIS não responsivo ao BCG, com uma relação risco-benefício favorável, tendo em vista uma doença desafiadora em termos de terapia. 

 

Referências:  

  1. Chamie K, et al. Phase II/III clinical results of IL-15RαFc superagonist N-803 with BCG in BCG-unresponsive non-muscle invasive bladder cancer (NMIBC) carcinoma in situ (CIS) patients. BTCRC-GU15-023. Abstract 510. 2021 Genitourinary Cancers Symposium. DOI:10.1200/JCO.2021.39.6_suppl.510

 

 

Aviso Legal: Todo conteúdo deste portal foi desenvolvido e será constantemente atualizado pela Oncologia Brasil, de forma independente e autônoma, sem qualquer interferência das empresas patrocinadoras e sem que haja qualquer obrigação de seus profissionais em relação a recomendação ou prescrição de produtos de uma das empresas. As informações disponibilizadas neste portal não substituem o relacionamento do(a) internauta com o(a) médico(a). Consulte sempre seu médico(a).

Send this to a friend